Creio que não existe nada de mais belo, de mais profundo, de mais simpático, de mais viril e de mais perfeito do que o Cristo; e eu digo a mim mesmo, com um amor cioso, que não existe e não pode existir. Mais do que isto: se alguém me provar que o Cristo está fora da verdade e que esta não se acha n'Ele, prefiro ficar com o Cristo a ficar com a verdade. (Dostoievski)

FAÇA COMO EU: VISITE O BLOG DELES, E SIGA-OS TAMBÉM! :)

4 de set de 2007

Eu agradeço!

Olá!

Hoje vim aqui agradecer. A todos os que me visitam, aos que enviam contribuições, aos que comentam, aos que me mandam e-mails falando bem disso tudo, aos que me deixam recados no Orkut, também elogiando... Obrigada. Tenho visto este trabalho crescer, recebo hoje cerca de 150 visitas por dia e isso me deixa feliz, porque construo este espaço com prazer.

Nada na vida vale a pena sem prazer. Viver é uma alegria, uma horinha de delírio, um escape. Então faço minhas coisas com graça, e diariamente em oração digo obrigada, mil vezes, a Deus, porque sou humana, e contraditória, e trago em mim um impulso, o fôlego, a vida, que me levam longe. Agradeço por não ter em mim nenhuma pretensão de ser invencível ou perfeita. Até que de vez em quando eu tento, mas confesso que me atrapalho e nunca consigo. Então, como não sou deusa, nem semi-deusa, assumo todas as minhas fraquezas, me emociono fácil e amo as coisas loucas da vida, um dia ainda faço uma lista e posto aqui. Três coisinhas que eu amo: o cheiro da terra depois da chuva, dormir em uma noite de tempestade, ficar bem quentinha e quietinha debaixo do edredon quando faz muito frio.

Os dissabores, as tristezas, sim, eu os tenho. Mas ando descalça sobre a grama, bagunço a areia da praia com meus pés, canto sozinha, recito uma poesia, danço sozinha e fico feliz de novo, pelo menos até a próxima chuva. E comigo, na dança, na grama, na areia, na poesia, na música, Ele. Sempre Ele. Meu cúmplice, meu amigo, um não-sei-quê de ternura e leveza, que deixa as portas e janelas da minha alma abertas. Ele, o Criador.

Posso agradecer também os que, nos seus blogs, investem seu tempo me citando, falando de mim, ainda que mal e injustamente. Obrigada, apesar de tudo creio que isso tem aumentado o número de visitas. Pena que não vou falar de vocês aqui no meu blog, porque eu só comento a respeito do que admiro. Se vocês falam de mim, sei que me admiram -- a própria inveja é uma forma de admiração, obrigada. E há uma senhora do Rio de Janeiro, professora de língua estrangeira, que particularmente fala muito de mim. Eu não entendo essa fixação em minha pessoa... Senhora, não entendo por que sou o assunto central dos comentários em seu blog, e já há algum tempo. Freud e Lacan têm muito a dizer sobre isso... Peça a Deus que Ele lhe mande alívio. Sei que a vida é difícil mesmo. Mas não perca tanto seu tempo falando de mim... Além de não valer a pena, porque me acho trivial, a senhora e seus amigos vão acabar por me deixar envaidecida, no final das contas. Viva sua vida, o que lhe cabe. Isso já é tão bom...

Bom, quanto ao mais... Creio, realmente, como disse o poetinha Vinícius, que haverá uma aurora. Deito fora a amargura e levanto a cabeça, que o caminho é espinhoso também. Mas virá o deleite, virão as delícias, a doçura e toda a beleza, a música, as cores e sempre um rio onde se molhar os pés. E uma música como Vilarejo, da Marisa Monte, pra gente ouvir e cantar junto umas vinte vezes por dia.

Paz, e Bem, e Graça, a quem ler esta carta.

Maya

2 comentários:

liliam freitas disse...

A gente que também ler seu blog também agradece! Colocar um blog no ar não é fácil, ainda mais inteligente. Particularmente fiquei muito feliz em você ter criado seu blog e ter todos os dias o prazer se deliciar em frente a tela!
Bloguear é preciso!

Maya disse...

Obrigada, Liliam! Elogios desses, vindos de uma pessoa crítica e inteligente como você, me deixam realmente lisonjeada!

Bjos, avante com nossa pesquisa sobre os discursos de Martin Luther King!

Marcadores

Comportamento (719) Mídia (678) Web (660) Imagem (642) Brasil (610) Política (501) Reflexão (465) Fotografia (414) Definições (366) Ninguém Merece (362) Polêmica (346) Humor (343) link (324) Literatura (289) Cristianismo (283) Maya (283) Sublime (281) Internacional (276) Blog (253) Religião (214) Estupidez (213) Português (213) Sociedade (197) Arte (196) La vérité est ailleurs (191) Mundo Gospel (181) Pseudodemocracia (177) Língua (176) Imbecilidade (175) Artigo (172) Cotidiano (165) Educação (159) Universidade (157) Opinião (154) Poesia (146) Vídeo (144) Crime (136) Maranhão (124) Livro (123) Vida (121) Ideologia (117) Serviço (117) Ex-piritual (114) Cultura (108) Confessionário (104) Capitalismo (103) (in)Utilidade pública (101) Frases (100) Música (96) História (93) Crianças (88) Amor (84) Lingüística (82) Nojento (82) Justiça (80) Mulher (77) Blábláblá (73) Contentamento (73) Ciência (72) Memória (71) Francês (68) Terça parte (68) Izquerda (66) Eventos (63) Inglês (61) Reportagem (55) Prosa (54) Calendário (51) Geléia Geral (51) Idéias (51) Letras (51) Palavra (50) Leitura (49) Lugares (46) Orkut (46) BsB (44) Pessoas (43) Filosofia (42) Amizade (37) Aula (37) Homens (36) Ecologia (35) Espanhol (35) Cinema (33) Quarta internacional (32) Mudernidade (31) Gospel (30) Semiótica e Semiologia (30) Uema (30) Censura (29) Dies Dominicus (27) Miséria (27) Metalinguagem (26) TV (26) Quadrinhos (25) Sexo (25) Silêncio (24) Tradução (24) Cesta Santa (23) Gente (22) Saúde (22) Viagens (22) Nossa Linda Juventude (21) Saudade (21) Psicologia (18) Superação (18) Palestra (17) Crônica (16) Gracinha (15) Bizarro (14) Casamento (14) Psicanálise (13) Santa Casa de Misericórdia Franciscana (13) Carta (12) Italiano (12) Micos (12) Socialismo (11) Comunismo (10) Maternidade (10) Lêndias da Internet (9) Mimesis (9) Receita (9) Q.I. (8) Retrô (8) Teatro (7) Dããã... (6) Flamengo (6) Internacional Memória (6) Alemão (5) Latim (5) Líbano (5) Tecnologia (5) Caninos (4) Chocolate (4) Eqüinos (3) Reaça (3) Solidão (3) TPM (2) Pregui (1)

Arquivo