Creio que não existe nada de mais belo, de mais profundo, de mais simpático, de mais viril e de mais perfeito do que o Cristo; e eu digo a mim mesmo, com um amor cioso, que não existe e não pode existir. Mais do que isto: se alguém me provar que o Cristo está fora da verdade e que esta não se acha n'Ele, prefiro ficar com o Cristo a ficar com a verdade. (Dostoievski)

FAÇA COMO EU: VISITE O BLOG DELES, E SIGA-OS TAMBÉM! :)

2 de jul de 2008

Semiótica aplicada

Versos inesquecíveis da MPB
.
Top 5 Metáforas Pungentes Qual Pregos na Alma:
1) "Eu tô plugado na vida/ Eu tô curando a ferida/ Às vezes eu me sinto uma mola encolhida" (Lulu Santos, "Toda Forma de Amor")
2) "Alô doçura/ Me puxa pela cintura/ Tem tudo a ver o teu xaxim/ Com a minha trepadeira" (Rita Lee, "Pega Rapaz")
3) "Como se eu fosse flor você me rega" (Ivete Sangalo, cometendo uma elegia involuntária - ou não - ao golden shower em "Flor do Reggae")
4) "Eu achei que o amor fosse mole/ Algo assim feito requeijão" (Lulu Santos, em sua tenebrosa cover de "I'm a Believer" dos Monkees)
5) "Grilo na cuca/ Meu coração é uma bomba atômica/ Minha canção é super, super sônica/ Minha cabeça está pegando fogo, fogo, fogo" (Dudu França, ex-apresentador do programa "Vamos Nessa" no SBT e intérprete do one-hit wonder "Grilo na Cuca")
.
Top 5 Versos Romanticozinhos:
1) "Passamos juntos um dia de amor/ Você na cama gemendo sem ter dor/ E eu olhava pra ti e sorria/ Eu te queria/ E te chamei o tempo todo de amor/ Duzentos contos foi você quem me levou" (Cláudio Brega, "Te Dou Amor, Mas Não Aceito Cheques")
2) "Estou arrependido de um dia ter sofrido/ Por uma mulher tão feia/ Você não merece amor/ O carinho que eu te dou é a chave da cadeia/ Agora vá pra cadeia/ Porque o mundo é moderno/ Já que eu não te quero mais/ Vá morar com satanás lá nas grades do inferno" (Carlos Alexandre, "Vá Pra Cadeia")
3) "Não alimento amor por telefone, isso é ilusão/ Não adianta falar de amor ao telefone, isso é ilusão/ Pra que tanto telefonema se o homem inventou o avião/ Pra você chegar mais rápido ao meu coração" (Jota Quest, "Tele-Fome")
4) "Eu já nem me lembro, tanto tempo faz/ Mas eu não me esqueço que te amei demais" (Kátia, a cantora cega, em "Lembranças", nesta estrofe singularmente esquizofrênica sobre suas reminiscências amorosas)
5) "Eu já nem lembro bem/ Da primeira vez que eu dei" (Kid Abelha, "Agora Eu Sei", outra canção sobre problemas de memória)
.
Top 5 Merchandisings Tabajara:
1) "A sua vida é dura/ Você vende Natura/ Para sobreviver" (Os Magos do Brega, "Arrumadeira de Motel")
2) "Entraram na minha casa/ E roubaram meu Play Station/ E é tanta coisa ruim comigo/ Mas eu não me queixo" (O Surto, "Triste Mas Eu Não me Queixo", assassinando "Californication" dos Red Hot Chili Peppers)
3) "Já lasquei a boca/ Na queda de patinete/ Semana passada/ Bateram no meu Chevette" (mais uma de "Triste Mas Eu Não me Queixo", forte candidata a cover mais infame de todos os tempos) 4) "Quero soltar bombas no Congresso/ Fumo Hollywood para o meu sucesso/ Sempre assisto à Rede Globo/ Com uma arma na mão/ Se aparece o Francisco Cuoco/ Adeus televisão" (Capital Inicial, "Psicopata", denegrindo ainda mais a imagem das canções de protesto)
5) "Fuscão preto/ Você é feito de aço/ Fez o meu peito em pedaços/ Também aprender a matar/ Fuscão preto/ Com o seu ronco maldito/ Meu castelo tão bonito/ Você fez desmoronar" (Almir Rogério, cantor e compositor de "Fuscão Preto", sucesso estrondoso na época em que foi lançado, a ponto de ter inspirado a produção de um longa-metragem homônimo em 1983 com Xuxa Meneghel encabeçando seu elenco)
.
Top 5 Embromation Society:
1) "Do you wanna gimme girl/ Do you wanna gimme o anel?/ Do you wanna gimme girl?/ Do you wanna go pro motel?" (Charlie Brown Jr., "Gimme o Anel")
2) "Baby, the book is on the table/ I am the book/ And you are the table" (Léo Jaime em uma canção sugestivamente intitulada "Bobagem")
3) "I love you pra chuchu/ Se você não está perto eu fico jururu" (Rita Lee, "Aqui, Ali, em Qualquer Lugar", versão de lascar para "Here, There and Everywhere" dos Beatles)
4) "Tudo fica blue/ Quando o sol se põe pra lua/ Abençoar mais uma vez o nosso amor/ Tudo fica blue/ A nossa paixão flutua/ No universo onde mora o nosso amor" (Soweto, "Tudo Fica Blue", pagode sem-vergonha que além de plagiar um verso de "Conquista", sucesso de Claudinho & Buchecha, ainda comete a façanha de rimar "amor" com "amor")
5) "Eu quero te amar/ Eu quero beijar/ Eu quero apertar/ Eu quero botar/ O meu coração/ Nessa gatinha/ Cheio de emoção/ Let's go!!!" (Sérgio Mallandro, "Vem Fazer Glu-Glu")
.
Top 5 Duplo Sentido:
1) "Tico-tico é um gato que a Maria quer bem/ Não dá, não vende nem troca e não empresta a ninguém/ O Tico tem um defeito que nem dá pra consertar/ O defeito do Tico/ É danado pra miar/ Tico mia na sala, tico mia no chão/ Tico mia na cozinha, encostado no fogão/ Tico mia no tapete, tico mia no sofá/ Tico mia lá em casa toda hora sem parar" (Sandro Becker, "O Tico-Tico")
2) "'A pipa do vovô não sobe mais/ Apesar de fazer tanta coisa/ O vovô foi passado pra trás/ Ele tentou mais uma empinadinha/ A pipa não deu nenhuma subidinha" (Silvio Santos, "A Pipa do Vovô")
3) "Vamos abrir a roda, enlarguecer/ Tá ficando apertadinha, por favor/ Abre a rodinha, por favor/ Abre a rodinha, por favor/ Abre a rodinha" (Sarajane, "A Roda")
4) "O Saci perguntou e ele respondeu/ Quem é Seu Cuca?/ Seu Cuca é eu/ Seu Cuca é eu!" (Seu Cuca, "Forrock do Seu Cuca")
5) "Morena diga onde é que tu tava/ Onde é que tu tava/ Onde é que tava tu/ Passei a noite procurando tu/ Procurando tu" (Trio Nordestino, "Procurando Tu")
.
Top 5 Tradutores Traidores:
1) "Ah, quando a paixão é cega/ A gente fica cega, cega/ Seja bom ou mal/ Vício é fatal" (Rosana, "Vício Fatal", regravação de "Let's Stay Together" que fez Al Green dar cambalhotas em seu túmulo) [UPDATE: até mesmo antes de ter morrido, conforme alertaram o Adolfo Colen, o Zen e o Sergio Fonseca]
2) "Sônia, chega mais aqui e fica bem juntinho/ Sônia, vamos nessa festa fazer um trenzinho/ Você na frente e eu atrás/ E atrás de mim um outro rapaz/ Sônia, que loucura!" (Léo Jaime, "Sônia", em versão pra lá de tropicaliente de "Sunny", canção de Bobby Hebb)
3) "O que é imortal/ Não morre no final" (Sandy & Júnior, "Imortal", dupla de dois flagrada em um verso pleonasticamente redundante desta transposição transposta para o idioma luso-portuguê s da canção musical "Immortal" dos Bee Gees)
4) "Quero morar com você na Califórnia/ Quero ser feliz/ Foi o que eu sempre quis" (Ovelha, matando a pau em sua cover de "Hotel California" dos Eagles)
5) "Cai da bicicleta/ E lasquei os ovos no eixo/ E é tanta coisa ruim comigo/ Mas eu não me queixo" (não dá pra se cansar de citar "Triste Mas Eu Não Me Queixo", cover anta-lógica de "Californication" cometida pelo grupo O Surto)
.
Top 5 Aserejês:
1) "Foi sem querer/ Que derramei toda emoção/ Undererê/ E cerquei seu coração/ Undererê/ Me machuquei, te feri, não entendi/ Undererê" (Eliana de Lima, "Desejo de Amor")
2) "Uou, uou/ Iei, iei/ Sem você não viverei" (mais uma de Ovelha, o cantor mais ovino de toda a MPB, na inolvidável "Sem Você Não Viverei")
3) "Eu quero ver/ Tindolelê/ Nheco nheco, xique xique, balancê" (Xuxa, "Tindolelê", sucesso composto por Cid Guerreiro, mesmo autor da igualmente imbecil "Ilariê")
4) "É no balanço da cama/ Nhec, nhec/ Roinc, roinc" (Companhia do Samba, "No Balanço da Cama")
5) "Preta, fala pra mim/ Baracundé Cundé Cundô/ Fala o que você sente por mim/ Oi oi oi ô" (Beto Barbosa, o "Rei da Lambada", em seu sucesso "Preta")
.
***
.
COLABORAÇÃO: Olavo de Carvalho, o meu ex-aluno da UnB!!! rsrsrs. Recebi este texto por e-mail e já ri muuuito, de chorar. Convenhamos, é cada pérola... : )

Nenhum comentário:

Marcadores

Comportamento (719) Mídia (678) Web (660) Imagem (642) Brasil (610) Política (501) Reflexão (465) Fotografia (414) Definições (366) Ninguém Merece (362) Polêmica (346) Humor (343) link (324) Literatura (289) Cristianismo (283) Maya (283) Sublime (281) Internacional (276) Blog (253) Religião (214) Estupidez (213) Português (213) Sociedade (197) Arte (196) La vérité est ailleurs (191) Mundo Gospel (181) Pseudodemocracia (177) Língua (176) Imbecilidade (175) Artigo (172) Cotidiano (165) Educação (159) Universidade (157) Opinião (154) Poesia (146) Vídeo (144) Crime (136) Maranhão (124) Livro (123) Vida (121) Ideologia (117) Serviço (117) Ex-piritual (114) Cultura (108) Confessionário (104) Capitalismo (103) (in)Utilidade pública (101) Frases (100) Música (96) História (93) Crianças (88) Amor (84) Lingüística (82) Nojento (82) Justiça (80) Mulher (77) Blábláblá (73) Contentamento (73) Ciência (72) Memória (71) Francês (68) Terça parte (68) Izquerda (66) Eventos (63) Inglês (61) Reportagem (55) Prosa (54) Calendário (51) Geléia Geral (51) Idéias (51) Letras (51) Palavra (50) Leitura (49) Lugares (46) Orkut (46) BsB (44) Pessoas (43) Filosofia (42) Amizade (37) Aula (37) Homens (36) Ecologia (35) Espanhol (35) Cinema (33) Quarta internacional (32) Mudernidade (31) Gospel (30) Semiótica e Semiologia (30) Uema (30) Censura (29) Dies Dominicus (27) Miséria (27) Metalinguagem (26) TV (26) Quadrinhos (25) Sexo (25) Silêncio (24) Tradução (24) Cesta Santa (23) Gente (22) Saúde (22) Viagens (22) Nossa Linda Juventude (21) Saudade (21) Psicologia (18) Superação (18) Palestra (17) Crônica (16) Gracinha (15) Bizarro (14) Casamento (14) Psicanálise (13) Santa Casa de Misericórdia Franciscana (13) Carta (12) Italiano (12) Micos (12) Socialismo (11) Comunismo (10) Maternidade (10) Lêndias da Internet (9) Mimesis (9) Receita (9) Q.I. (8) Retrô (8) Teatro (7) Dããã... (6) Flamengo (6) Internacional Memória (6) Alemão (5) Latim (5) Líbano (5) Tecnologia (5) Caninos (4) Chocolate (4) Eqüinos (3) Reaça (3) Solidão (3) TPM (2) Pregui (1)

Arquivo